30.03.08
O Brasil transfoma-se rapidamente num país gordo, cheio de Lulas em sunga com latas de cerveja Skol, camisetas regata, pasteis de camarão com catupiry a dançar o Créu e a fotografarem-se mutuamente, com máquinas digitais cento e tal megapixels. Imagino que vos possa parecer sociologicamente interessante este súbito poder aquisitivo das classes C e D. Aqui não passa de um pesadelo. Estou mal disposta porque hoje sonhei que tinha passado todo o fim de semana numa convenção do PT, na Ilha Grande, com a Dilma Roussef e o Lula, bastante transpirado - eu estava nas primeiras filas e levei com algum cuspo e pingos de suor que lhe saltavam da testa - a gritar sobre a importância das Brigadas Ambientais. Pior que isto só quando tenho aquele outro sonho recorrente dos seis a três, em Alvalade.


por Mónica Marques às 11:59

Para Interromper o Amor
Transa Atlântica

Nas livrarias
O Inferno são os outros
Correio
folhassoltas@gmail.com
Chelsea Hotel
Freud explica
Technorati Profile
subscrever feeds