13.03.10

 O José Gabriel Viegas morreu hoje. Foi o meu primeiro editor. Cheguei à revista no primeiro dia da minha primeira redacção  e ele disse no corredor, ela pode ficar comigo.

Pediu-me para traduzir uma reportagem enorme, acho que da National Geographic, sobre os Coptas e foi o que eu fiz. Nunca mais esqueci os Coptas e fiz brilharetes a jogar Trivial. Nunca mais esqueci o José Gabriel Viegas por tudo, mas principalmente por me ter tirado do meio do corredor naquele dia. 



por Mónica Marques às 15:02

Para Interromper o Amor
Transa Atlântica

Nas livrarias
O Inferno são os outros
Correio
folhassoltas@gmail.com
Chelsea Hotel
Freud explica
Technorati Profile
subscrever feeds